Viventor: Problemas com Originadores de Empréstimos

S4F Novidades Viventor @ Savings4Freedom
A Viventor está a enfrentar grandes problemas com originadores de empréstimos. Falências, processos judiciais e planos de pagamentos. Uma atualização Viventor.

Alguns dos originadores de empréstimos da Viventor estão a enfrentar tempos difíceis devido à Covid-19, outros muito antes disso. A realidade é que nem todos os pagamentos estão a ser feitos aos investidores como planejado. Como está a Viventor a gerir isto?

Viventor Banner @ Savings4Freedom

Viventor: Aforti Factor e Aforti Finance

Desde Agosto de 2019, a Viventor tem trabalhado com a Aforti Factor e a Aforti Finance para reestruturar os pagamentos, tendo desde esse momento recuperado com sucesso cerca de 50% da dívida até Agosto de 2020. No entanto, desde Março que ficou evidente que a Aforti Factor não vai cumprir com as suas obrigações, o que levou a acções judiciais para reclamar o montante em dívida no momento da sua falência, no valor de EUR 100K.

Essas acções judiciais referem-se apenas à Aforti Factor. O calendário de reembolso da Aforti Finance estendia-se até 31 de julho. Tendo-se verificado os mesmos problemas com pagamentos devidos, a Viventor iniciou um processo judicial para recuperar os recursos.

Viventor: Atlantis Financiers

O Gielen Group é o novo dono da Viventor. Antes já era o proprietário da plataforma de crédito Atlantis Financiers, uma das originadoras de empréstimos da Viventor que agora enfrenta problemas. Conflito de interesses? Sim definitivamente.

Alguns investidores relataram atrasos nos pagamentos de empréstimos da Atlantis Financiers, no entanto, a Viventor permanece evasiva sobre o assunto. Se entrares em contacto com o suporte, esta é a resposta que recebes:

“Pelas informações de que dispomos, alguns dos empréstimos da Atlantis Financiers atingiram o prazo de recompra e foram processados ​​pela Viventor. Esses empréstimos agora são exibidos como” fundos em trânsito”. Com base nas informações disponíveis à Viventor, estes empréstimos foram estendidos pela Atlantis aos seus mutuários. Portanto, a Atlantis não pode pagar o serviço da dívida imediatamente, pois ainda espera que os fundos lhe sejam pagos. Independentemente do facto dos empréstimos serem estendidos ou processados, os juros devidos serão pagos aos investidores no momento do reembolso.”

Equipa de Suporte da Viventor

Viventor: Mycredit

Com um fluxo de caixa reduzido e um nível maior de não pagamentos, a Mycredit abordou a Viventor a fim de reestruturar a agenda de pagamentos dos seus fundos em trânsito e reembolsos pendentes.

Ambas as partes chegaram a um acordo. Este é o novo cronograma de pagamentos:

Fundos em Trânsito:
93k EUR a 31 de Agosto 2020

Portefolio em Dívida:
100k EUR em partes iguais ao longo de 5 meses a começar a 30 de September 2020

O valor pendente em falta e os juros acumulados devem ser pagos até dia 31 de Janeiro 2021.

O empréstimos emitidos pela Mycredit foi suspenso do mercado primário, embora possam negociar no mercado secundário até que o plano de reembolso seja executado com sucesso.

Viventor: Twinero / Presto

A Viventor suspendeu os investimentos em empréstimos da Twinero e Presto nos mercados primário e secundário em Junho. Desde então, a situação piorou e a Viventor está a negociar uma solução com os dois originadores de empréstimos.

Estão a ser avaliadas 3 soluções:

  1. A Viventor toma controlo sobre o portefólio pendente da Twinero e Presto e recebe as dívidas pendentes. Devido ao desconhecimento da legislação local e do modelo de negócios operacional da Twinero e Presto, esta opção tem de ser avaliada cuidadosamente.
  2. A incorporação das empresas Twinero e Presto a 100% pelo Grupo Gielen. Aqui temos as mesmas considerações da opção 1, mas a vantagem adicional seria que os acionistas teriam o controlo total e poderiam aproveitar os recursos operacionais disponíveis para a cobrança das dívidas pendentes.
  3. Venda das carteiras de empréstimos problemáticos da Twinero e Presto a terceiros com desconto.

Estás pronto para perder dinheiro?

Viventor: CbC

A fim de proteger os interesses dos investidores, a Viventor tomou a decisão de suspender o CbC dos mercados primário e secundário. Esta situação surgiu como resultado do fracasso da CbC em cumprir as suas obrigações contratuais de reembolso. Desde 6 de Julho, nenhum reembolso da CbC foi recebido pela Viventor e, apesar dos inúmeros pedidos de informações e ofertas de diálogo, o originador do empréstimo não respondeu.

Como resultado da falha de pagamentos e da ausência de qualquer comunicação, a ViVentor apresentou à CbC uma advertência judicial válida até 14 de agosto na qual a Viventor solicitou o reembolso do valor em dívida conforme o acordo de parceria. A Viventor já começou a colaborar activamente com um escritório de advogados da Polónia, a fim de iniciar acções judiciais na ausência de pagamentos.

Viventor Banner @ Savings4Freedom

Viventor: Outras Novidades

Nova Funcionalidade

A Viventor está a trabalhar para implementar um processo pelo qual os originadores de empréstimos irão pagar periodicamente juros sobre os “Fundos em Trânsito” ou empréstimos extendidos. Dessa forma, o investidor irá receber juros mensais ou semanais, ao invés do modelo existente no qual os juros são pagos na maturidade do empréstimo, em conjunto com o principal e multas por atraso.

Auditoria

A Viventor está em auditoria nas contas da empresa de 2019, e este relatório será tornado público. Esta é uma etapa essencial para maior transparência junto dos investidores e originadores de empréstimos.

Licenciamento

Viventor solicitou uma licença de correctora junto da autoridade regulatória da Letónia (FCMC), Investment Brokerage Firm License, em Julho.

A equipa da Viventor está a trabalhar em conjunto com a FCMC, na revisão dos documentos da plataforma, bem como as políticas, processos e tudo o mais que precisa de ser avaliado antes de uma licença ser concedida.

Viventor Banner @ Savings4Freedom

O que pensas destes problemas com LOs?

Partilha a tua opinião sobre a a forma como a Viventor está a gerir esta crise. Quais as tuas expectativas para o futuro da plataforma? Vais aumentar ou diminuir os teus investimentos na Viventor? Vai ser muito interessante aprender o que o futuro irá trazer à Viventor.

Bónus de Inscrição

No caso de usares o meu link de referência para investires na Viventor recebes 1% em cashback em todos os investimentos realizados nos primeiros 30 dias

Queres aprender mais sobre a Viventor?

Viventor Aquisition by Gielen Group @ Savings4Freedom
Lê todos os artigos sobre a Viventor clicando na imagem acima

Alternativas e Competidores da Viventor

Emprestimos P2P Imobiliário @ Savings4Freedom
Emprestimos P2P Empresas @ Savings4Freedom
Emprestimos P2P Consumo @ Savings4Freedom


Queres receber notificações sobre novas publicações? Acompanha a Savings4Freedom no Telegram ou por WhatsApp. Em alternativa, segue a Savings4Freedom através das ligações apresentadas abaixo. Obrigado!


O blog contém links afiliados. Conhece mais sobre este tópico na Advertência.

5 Shares:

Partilha a tua opinião sobre este tema!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

You May Also Like